NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Hanky: controverso aplicativo gay de namoro, que exclui membros menos sexy

Em Neon: quinta-feira, 7 de janeiro de 2016


Não é de hoje que a dita “forma escultural” predomina na predileção e na obsessão de homens gays, quando buscam o seu “homem ideal”.

Pois bem, agora aqueles “menos sexy” são realmente excluídos. Pelo menos é o que acontece no aplicativo de namoro gay "Hanky", que está gerando polêmica, por ser seletivo e discriminatório.

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

Para o aplicativo você tem que ser “muito, mas muito legal mesmo”, para ser um usuário. É como um clube exclusivo, pelo menos 8 em cada 10 são rejeitados, porque só o mais sexy tem as características certas para poder entrar no Hanky.

O co-fundador do aplicativo, Jonas Cronfeld, disse: "Estamos cansados desses expertinhos de app sem mostrar seu rosto, eles nos fazem perder tempo e fazem perfis falsos. Provavelmente nunca teremos 5 milhões de membros, como o aplicativo mais popular, mas nós não nos importamos, nós queremos qualidade e não quantidade. É claro, os grandes números são cobiçados por todos, mas os nossos usuários são muito mais agradáveis, atenciosos, educados.... e muito mais sexy!”  Os criadores do Hanky justificam essa escolha para "lutar contra os trolls".

Óbvio que a escolha de procurar esse aplicativo é de cada um, mas seria essa seleção algo justo e democrático? Esse é um tema a se discutir.

Foto: Reprodução

A Redação

 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code