NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Divas: Brigitte Bardot a defensora dos animais

Em Neon: sábado, 21 de fevereiro de 2015


Este mês a Diva escolhida foi Brigitte Bardot. Quem não ama essa mulher maravilhosa, ícone sem tempo no universo das estrelas de cinema?

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

1946 Brigitte Bardot, ainda menina, na escola de ballet Sra Bourget
Brigitte Anne Marie Bardot, conhecida como B.B., (“Bri-Bri” quando criança), nasceu em Paris no dia 28 de setembro de 1934. É uma atriz, ex-modelo, cantora, bailarina e ativista francesa. Começou a carreira como bailarina clássica, se tornou modelo, posando para inúmeras revistas de moda, foi atriz e, em 1962, cantora.

Desde 1962, é uma ativista pelos direitos dos animais, atividade que a diva absorveu completamente desde quando abandonou o cinema em 1972.

Em cena do filme "Le Trou Normand"
Brigitte é filha de um industrial francês e, graças a sua beleza e sensualidade, inicia sua carreira cinematográfica em 1952, aparecendo no filme "Le Trou Normand".

Suas aparições roubavam a cena
Uma das poucas atrizes europeias a capturar a atenção do "mass media" nos EUA. Ela e Marilyn Monroe viraram ícones da sensualidade feminina dos anos 50 e 60. Cada aparição pública nos EUA, era seguida pela imprensa em geral.

BB causava escândalo e desejo quando ia à praia
Os seus primeiros filmes, assim como as suas aparições em Cannes e em inúmeros álbuns fotográficos, contribuíram à difusão do biquíni. Brigitte foi uma das primeiras a exibir, em algumas ocasiões, o monokini, ou seja, o topless. Na França, o topless era comum, mas nos EUA foi um escândalo.

Quadro do genial Andy Warhol
A moda excêntrica dos anos 60 fez que ela, assim como Marlyn e Jackie Kennedy, um modelo dos quadros de Andy Warhol.

Discografia e a famosa Playboy italiana
Em 1974, um pouco antes de completar quarenta anos, a diva anuncia o seu adeus ao cinema, após ter feito mais de cinquenta filmes e gravado diversos álbuns discográficos. No mesmo ano posa nua no número de setembro da edição italiana da revista Playboy.

Em frente a Fundação Brigitte Bardot
A partir de 1972 a diva se afirma como ativista pelos direitos dos animais e em 1986 institui a "Fundação Brigitte Bardot" que financiou com os 3 milhões de francos, que arrecadou vendendo suas joias e outros objetos pessoais, em um leilão.

Um ícone na defesa dos animais
Atualmente é uma das mais influentes ativistas pelos direitos dos animais, além de ser uma opositora ao consumo de carne de cavalo.

BB atualmente
Depois de vários casamentos e um filho, hoje a diva é casada com um político francês.

Fotos: AFP - Eric Feferberg / Valery Hache / Roger-Viollet / Boris Lipnitzki / Getty Images

Por: Fabíola Ferrari - CLIQUE AQUI para ver outras matérias de Fabíola Ferrari

Fabiola é graduada e pós-graduada em Pedagogia pela Universidade de Gênova (Itália). Amante das artes, dos livros e de tudo aquilo que tem bom gosto, vive em Roma desde o final dos anos 90. Nome de peso da noite paulistana, é uma artista incomparável. Grande fã de Dalida e de outras cantoras europeias, que em seus shows as personifica com requinte e glamour.

 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code