NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

60 curiosidades sobre os gatos

Em Neon: terça-feira, 6 de janeiro de 2015


Dizem que a curiosidade matou o gato, mas aqui vamos falar das curiosidades sobre o gato, sem matar nenhum bichano, muito pelo contrário, amamos os felinos e estamos aqui para desvendá-los um pouco mais e mostrarmos os mistérios que rondam o mundo dos gatos.

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

1- Em média um gato passa 2/3 do dia dormindo. Isso significa que em 9 anos de vida, ele está viveu acordado apenas 3 anos.

2- Os gatos não saboreiam o doce.

3- Quando um gato persegue uma presa, ao contrário de um cão ou humano, mantém a cabeça sempre para baixo.

4- As bolas de pelo que vomitamos chamam-se egagropilos.

5- As gatas tendem a ser destras, enquanto os gatos tendem a ser, em sua maioria, canhotos.

6- Um gato faz cerca de 100 sons diferentes, enquanto um cão faz cerca de 10.

7- O cérebro de um gato é biologicamente mais similar ao de um humano do que o cérebro de um cão. Ambos, humanos e gatos, têm uma região idêntica no cérebro responsável pelas emoções.

8- Existem mais de 500 milhões de gatos domésticos no mundo, e aproximadamente 40 raças reconhecidas.

9- O gato doméstico mais antigo foi encontrado numa sepultura no Chipre com mais de 9000 anos.

10- De acordo com uma lenda hebraica, Noé rezou a Deus para o ajudar a proteger a comida dos ratos na arca. Deus fez um Leão espirrar, e desse espirro nasceu o gato.

11- A audição de um gato é melhor do que a de um cão. Um gato consegue ouvir sons de alta frequência, cerca de 2 oitavas acima de qualquer humano.

12- Um gato consegue correr a 49 km por hora, em curtas distâncias.

13- Um gato salta 5 vezes a sua altura num único salto.

14- Alguns gatos já sobreviveram a quedas de 20 metros, devido ao reflexo de endireitamento. Os seus olhos, os órgãos e ouvido interno, dizem ao gato onde é que ele está no espaço, para que ele consiga aterrar em pé. Mesmo os gatos sem cauda possuem esta capacidade.

15- Um gato roça num humano não apenas para mostrar afeto, mas também para marcar o seu território, devido ao odor que as glândulas à volta da sua face libertam. A cauda e as patas também têm o mesmo odor do gato.

16- Os cientistas não têm a certeza porque é que um gato ronrona. Muitos veterinários acreditam que um gato ronrona fazendo as suas cordas vocais vibrarem na zona mais profunda da garganta. Para isto ser possível, um músculo na laringe abre e fecha a passagem do ar 25 vezes por segundo.

17- No antigo Egito, quando um gato morria, a família mostrava a sua tristeza rapando as sobrancelhas.

18- Cada gata, em média, dá à luz entre 1 a 9 gatos de cada vez. A maior ninhada até hoje foi de 19 gatinhos, mas apenas 15 sobreviveram.

19- Atualmente o maior felino selvagem é o Tigre Siberiano, que tem mais de 3,6 metros de comprimento, e pesa mais de 300 kg.

20- Os gatos pretos na Austrália e no Reino Unido são sinal de boa sorte.

21- A raça mais popular de gatos é a persa, seguida pela Maine Coon e Siamesa.

22- A raça mais pequena de gatos é a Singapura, que pesa cerca de 1,8 kg.

23- A raça maior de gatos é a Maine Coon, em que um gato pode pesar cerca de 12 kg.

24- Alguns gatos siameses parecem estrábicos devido aos nervos que se localizam do lado direito do cérebro e que vão predominantemente para o seu olho direito, e os nervos do lado direito do seu cérebro vão predominantemente para o olho esquerdo. Isto provoca uma visão dupla, que o gato tenta corrigir, cruzando a visão.

25- Os gatos normalmente não gostam de água, porque o seu pelo não isola bem o calor quando está úmido. No entanto, a raça Van Turco, uma variação do Angorá, oriunda da Ásia Central, possui um pelo com uma textura única que o torna resistente à água.

26- Um gato tem geralmente 12 bigodes em cada lado da face.

27- A visão de um gato é melhor e pior do que a de um humano: é melhor porque os gatos conseguem ver mais em ambientes mais difusos, e têm uma visão esférica superior. É pior porque não conseguem ver a cor tão bem como os humanos. Os cientistas acreditam que os gatos vêem a grama em tom vermelho.,

28- Os pequenos tufos de pelo nas orelhas de um gato servem para manter a sujeira fora, direcionar sons para o ouvido e isolar as orelhas.

29- A capacidade de um gato encontrar a sua casa é chamado de “psi-viagem”. Os especialistas acreditam que os gatos usam o ângulo da luz do sol para encontrar o caminho, ou que existem células magnéticas no seu cérebro que atuam como uma bússola.

30- O maxilar de um gato movimenta-se em ambos os sentidos, para que um gato possa mastigar pedaços maiores de comida.

31- Um gato quase nunca mia para outro gato, apenas a humanos. Os gatos apenas cospem, ronronam e silvam a outros gatos.

32- As costas dos gatos são extremamente flexíveis porque têm mais de 53 vértebras, enquanto os humanos apenas têm 34.

33- O gato possuí na ponta do nariz uma impressão digital semelhante às dos humanos nos dedos. Esta impressão digital é única em cada gato.

34- A paixão por gatos chama-se ailurofilia, que advém do grego (gato + paixão).

35- No Japão, acredita-se que os gatos têm o poder de se tornarem em espíritos mais elevados quando morrem.

36- A maioria dos gatos tinham pelo curto até cerca de 100 anos atrás, quando começou a ficar na moda ter gatos e experimentar produzir raças de gatos.

37- Os gatos têm 32 músculos que controlam o ouvido externo, enquanto os humanos têm apenas 6.

38- Um gato pode rodar a sua orelha em 180 graus.

39- O motivo pelo qual os gatinhos dormem mais é devido à hormona de crescimento, que apenas é ativada durante o sono.

40- O gato registado com mais peso chamava-se Himmy, era um gato tigrado da Queensland, Austrália e pesava 21 kg.

41- O xixi do gato brilha no escuro se lhe apontar uma luz ultravioleta.

42- Um gato, em média, pode viver por aproximadamente 20 anos, o que equivale cerca de 100 anos humanos.

43- O gato que mais viveu mais tempo até hoje foi o Crème Puff de Austin, Texas, que faleceu 3 dias depois do seu 38º aniversário.

44- Os gatos transpiram pelas almofadinhas das solas das patas.

45- A temperatura normal de um gato ronda entre os 38 e 39º C. Um gato está doente se a temperatura estiver abaixo de 37º e acima de 39º C.

46- Um gato tem 230 ossos no seu corpo. Um humano tem apenas 206.

47- Um gato não tem clavículas, por isso, consegue passar em qualquer local que a sua cabeça também passe.

48- Os gatos puros brancos com olhos azuis são muitas vezes propensos à surdez.

49- Algumas das comidas que nunca devem ser dadas a um gato são: cebola, alho, tomate verde, batata crua, chocolate, uvas e passas. Embora o leite não seja tóxico, pode causar irritação no estômago, gases e diarreia.

50- Medicamentos como o paracetamol e a aspirina são extremamente tóxicos para os gatos, tal como grande parte das plantas que existem em casa.

51- Dar a um gato comida humana ou de cão pode causar má nutrição e provocar doenças.

52- Um coração felino bate quase 2 vezes mais rápido que o de um humano: cerca de 110 a 140 batidas por minuto.

53- Os gatos usam os bigodes para medirem as distâncias.

54- Em apenas 7 anos, um par de gatos e os seus rebentos podem dar origem a mais de 420.000 gatinhos.

55- Um gato passa cerca de 1/3 do seu dia se limpando.

56- Um gato adulto tem 30 dentes. Um gatinho bebê tem apenas 26 dentes temporários, que perde até aos 6 meses de idade.

57- Os gatos são extremamente sensivos às vibrações. Um gato deteta um tremor de terra cerca de 10 a 15 minutos antes de um humano.

58- Nos anos 30, cientistas biólogos russos descobriram que a cor dos gatinhos siameses mudava dependendo da sua temperatura corporal. Os gatos siameses têm os genes do albinismo que são ativados apenas quando a sua temperatura corporal estiver acima dos 36,6º C. Se estes gatinhos estiverem num local mais quente, ficarão com uma cor mais esbranquiçada.

59- O gato mais rico do mundo chama-se Blackie à qual foram deixadas 15.000.000 libras pelo seu dono Ben Rea.

60- Todos os gatos têm unhas. As unhas das patas traseiras de um gato não são tão afiadas como as das patas dianteiras, porque as unhas das patas traseiras não são retráteis, logo gastam-se mais.

Fonte: Ronronar.com
Fotos: Eduardo Moraes (www.emfotos.com.br)

A Redação
 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code