NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Cool Pop Cult/Cinema: Filme 'Hoje eu quero voltar sozinho' mostra jovens descobrindo o amor, conquista público e crítica

Em Neon: sexta-feira, 18 de abril de 2014

De curta a longa, o encontro de três jovens e a descoberta do amor 

“Nem todo amor nasce à primeira vista!”
Hoje eu quero voltar sozinho:
Fruto de uma pequena produtora independente (Lacuna Filmes) e ganhador dos prêmios Fipresci (Prêmio da Crítica Internacional) e o Teddy Bear (que premia filmes com temática ou personagens GLBT) no Festival Internacional de Berlin, em fevereiro deste ano, mostra de forma terna e sensível, sem forçar e nem ser militante, o encontro de três jovens e a descoberta do amor entre eles tendo como centro, o jovem cego e homossexual, que lida com tudo da forma mais natural e bela, fugindo de qualquer julgamento que suas limitações poderiam sugerir. Como qualquer adolescente, ele quer se libertar da superproteção familiar e seguir seu caminho.

O roteirista e diretor do filme, Daniel Ribeiro, consegue produzir uma sequência lógica, sem perder o encanto do curta e elevando a história a um patamar superior. O otimismo vence a rebeldia e as incertezas, e o público sai da sala com a sensação de que poderiam ser duas meninas ou um menino e uma menina, poderiam ser os três, mas a bela condução faz com que o fator determinante seja apenas a felicidade do encontro e não o gênero dos personagens. Merece destaque a caprichada e acertada trilha sonora que inclui de Belle & Sebastian a Bowie e vai além disso, graças a delicadeza com que a história é contada e, mesmo o filme sendo a evolução do curta de 2010, “Eu não quero voltar sozinho”, não ficou apenas uma versão estendida do curta, não “encheram linguiça” para que ele virasse um longa metragem e ampliaram a história dando mais ênfase na rotina da vida dos estudantes adolescentes, afinal quem nunca se apaixonou na sala de aula?



Confira o trailer oficial do filme: “Hoje eu quero voltar sozinho”


Curiosidades do curta:

“Eu não quero voltar sozinho”, conseguiu em 17 minutos, conquistar elogios da crítica e acumular mais de 80 prêmios em festivais nacionais e internacionais. 
O trio principal do curta é formado pelos mesmos atores no longa, Ghilherme Lobo, Fábio Audi e Tess Amorim. 
Só no Youtube o curta já foi visto por mais de 3 milhões de pessoas. 


Enquanto você não assiste ao filme confira o curta “Eu não quero voltar sozinho”:


Por: Raí Costa Filho

Raí Costa Filho é analista de TI, DJ nos finais de semana e feriados (há quase 20 anos), produtor da festa Bizarre Love Triangle (há 12 anos em Brasília) e DJ na festa Cerrado Bears. Cinéfilo desde sempre, apaixonado por fotografia, design e arte.

 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code