NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

terça-feira, 9 de maio de 2017

Em homenagem ao dias das mães, mãe não paga e filho paga meia em peça de teatro

Em Neon: terça-feira, 9 de maio de 2017



O dia das mães é muito especial e por isso a peça “O Filho da Mãe” traz uma promoção para comemorar a data: A mãe não paga e o filho paga meia.

A comédia “O Filho da Mãe”, que retrata o dia a dia da relação entre mãe e filho, comemora essa data especial com uma promoção imperdível.

No dia 11 de maio, quinta-feira anterior à data, quem for ao Teatro Itália assistir ao espetáculo acompanhado de sua mãe pagará apenas R$ 20 pelos dois ingressos (mãe gratuito e filho paga meia).

Com Eduardo Martini e Guilherme Chelucci, o espetáculo fica em cartaz até o dia 25 de maio, no teatro Itália.

Com direção de Eduardo Martini e texto de Regiana Antonini, a comédia O Filho da Mãe teve sua reestreia dia 06 de abril no Teatro Itália. A peça busca na comédia e na sátira do estereótipo das mães, uma forma de abordar temas como paixão, carinho e relações familiares. A história se passa em um apartamento e gira em torno da convivência de uma mãe divorciada com seu filho. A trama mostra de forma bem-humorada os conflitos e dramas nas mais diversas situações vividas entre Valentina (Eduardo Martini) e Fernando (Guilherme Chelucci). Enquanto Valentina é uma publicitária bem-sucedida profissionalmente, mas completamente desmiolada e apaixonada pelo filho, Fernando é um recém-formado roteirista, que está indo para Nova York estudar cinema contra a vontade da mãe. Diferente de peças que apostam na ordem cronológica, “O Filho da Mãe” não possui um enredo linear. Em quatro momentos diferentes, o texto joga com flashbacks que mostram essa relação de mãe e filho, revelando acontecimentos passados da vida dos dois.

Identificação e emoção
“Esse texto é um presente para qualquer ator. Há uma riqueza dramatúrgica nas cenas que faz o publico se identificar com os personagens, com o cotidiano mãe/filho, trazendo ao ator possibilidades infinitas de representar. Quando fazemos o publico acreditar e se emocionar na peça, existe a certeza de que o trabalho do ator foi cumprido. Esse é o significado de fazer teatro”, diz Edu Martini. Um dos trunfos dessa comédia é o entrosamento dos atores em cena. “Como no teatro, cada dia de espetáculo é uma peça diferente, tentamos sempre aprimorar, procurar detalhes que fazem a diferença. No pequeno flat onde acontecem todas as discussões entre Valentina e Fernando, o ambiente é bem familiar. Existem elementos suficientes no palco para que as pessoas possam identificar nele suas próprias casas. A apresentação conta com músicas de Tim Maia, artista pelo qual Valentina é completamente alucinada, chegando ao ponto de até conversar com o falecido cantor. São cerca de sete canções que incluem “Primavera” [Vai Chuva] e “Chocolate”.

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

Serviço
Elenco: Eduardo Martini e Guilherme Chelucci
Texto: Regiana Antonini
Direção Geral: Eduardo Martini
Figurinos: Adriana Hitomi
Cenografia: Eduardo Martini
Cenógrafo: Fabio Jeronimo
Iluminação: Marcus Filomenus (Filó)
Fotografia: Marcos Rogério Meneghessi
Direção de Produção e Administração: Valdir Archanjo
Produção: Bira Saide, Valdir Archanjo e Eduardo Martini
Operação de Som: Ale Rocha
Operação de Luz: Marcus Filomenus (Filó)
Contra Regragem de Figurinos e Adereços: Adriana Hitomi
Classificação: 12 anos    
Duração: 75 minutos
Preços: R$ 40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)
Datas: Quintas feiras, as 21h
Temporada prorrogada até 25 de maio
Teatro Itália – Avenida Ipiranga, 344 – República – São Paulo – SP
Capacidade: 276

Fotos: Divulgação

 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code