NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

domingo, 12 de junho de 2016

Homofobia: Atentado em boate gay é o pior nos EUA desde o 11 de Setembro

Em Neon: domingo, 12 de junho de 2016



Na madrugada deste domingo, 12/06, um atirador matou pelo menos 50 pessoas e feriu mais de 50 ao abrir fogo na Pulse, uma boate gay em Orlando, na Flórida.

Além dos tiros o atirador, que foi identificado como Omar Mateen, de 29 anos. manteve os frequentadores como reféns,até ser morto a tiros, cerca de três horas mais tarde, quando uma equipe da SWAT invadiu a boate.

O ataque é o pior massacre nos Estados Unidos desde os atentados de 11 de setembro, em 2001.

Embora a investigação caminhe para um ato de terrorismo, Mir Seddique, pai de Mateen, disse à NBC News que o ato do filho nada tem a ver com religião e comentou uma passagem ocorrida com o filho, quando o rapaz ficou com raiva ao ver dois homens se beijando em Miami. Ele acredita que a homofobia pode ser o motivo do atentado. "Nós estamos pedindo desculpas por todo o incidente. Nós não estávamos cientes de qualquer ação que ele tenha feito. Estamos em estado de choque, como todo o país", disse Seddique.

Segundo a NBC os investigadores disseram que o FBI estava de olho em Mateen há três anos, por causa de uma declaração que ele fez sobre a propaganda islâmica radical. Agentes da lei disseram que Mateen jurou lealdade ao líder do ISIS em uma chamada de telefone ao 911, pouco antes do tiroteio.

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

Foto: Splash News

A Redação com informações da NBC News
 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code