NOVIDADES

COMPORTAMENTO

sexo

Vídeos

Arquivo Em Neon

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Promised Land: Um livro infantil sobre romance gay

Em Neon: quinta-feira, 5 de maio de 2016

Era uma vez, numa terra não tão distante. Houve um lugar onde ninguém se importava se fosse hétero ou gay...

“Promised Land” (Terra Prometida) é uma história destinadas a crianças entre 5 e 10 anos de idade, que conta a história de Jack e Leo. O primeiro é um jovem agricultor e o segundo um príncipe, ele se apaixonam após um encontro inesperado no bosque.

Um dos responsáveis por este projeto diz que é "uma história fantástica sobre amizade, aventura, responsabilidade e amor." A história interessante é que o conflito central não é sobre a sexualidade dos personagens, mas sobre a luta para salvar a floresta.

Os autores desta história são Adam Reynolds e Chad Harris, nascidos na Nova Zelândia, que tem como objetivo distribuir a história para diferentes partes do país.

"Durante a nossa infância e adolescência não tinha modelos ou histórias que representassem a ideia de que o ‘felizes para sempre’ pode existir mesmo se você é gay. Como tal, nós pensamos que deveria haver mais histórias como essa, e assim escrever uma juntos."

Eles disseram que esperam que o livro seja uma ferramenta útil para os pais, para mostrar a eles que qualquer um pode se apaixonar por qualquer pessoa, independentemente do sexo.

"Sentimos que uma história como esta, onde a sexualidade dos personagens não é o foco, ajudaria a contribuir para a aceitação precoce de jovens, antes do momento em que pudessem encontrar colegas ou pessoas LGBT, mais tarde, em suas vidas. O livro apresenta um ambiente seguro, onde uma criança e seus pais poderão discutir sobre pessoas LGBT."

Portanto, eles dizem que a história não é dirigida exclusivamente aos homossexuais, uma vez que a sexualidade dos personagens nunca foi questionada, porque são simplesmente "dois jovens que se encontram e se apaixonam."

A data de lançamento da história será em 11 de outubro de 2016 e para conseguir isso, Raynolds e Harris lançaram uma campanha no site Kickstarter para levantar fundos, que serão utilizados para pagar a realização dos trabalhos de arte, design e impressão. A iniciativa dos autores foi um sucesso e excedeu 173% de sua meta inicial com 796 apoiadores individuais.

Harry comemora feliz:

"Há muito poucas histórias disponíveis para os pais com quem eles podem falar com os filhos, com segurança e facilidade, em que o mundo está cheio de todos os tipos de relacionamentos; e que por sua vez, encorajarem a aceitação dela."

E acrescentou:

"Eu nunca estive tão confortável em ser gay, pode até ser tarde demais para mim. No entanto, através de um projeto como este, pelo menos eu posso tentar ser parte de uma solução que possa garantir que outros não tenham de se sentir como eu me senti."

CURTA O EM NEON NO FACEBOOK

Foto: Divulgação

A Redação

 
Todos os direitos reservados para © 2014 Em Neon
Desenvolvido por Code Art Design by Maurício Code